>
blog de informação e publicidade

quinta-feira, 8 de março de 2012

Ronaldo dá razão a Valcke e minimiza 'chute no traseiro' - esportes - futebol - Estadão


Ronaldo dá razão a Valcke e minimiza 'chute no traseiro' - esportes - futebol - Estadão:
'via Blog this'
O ex-jogador Ronaldo, membro do conselho de administração do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo de 2014, comentou nesta quarta-feira a polêmica envolvendo o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, que virou alvo de várias críticas após atacar de forma dura os atrasos do Brasil em sua preparação para a competição e a demora na aprovação da Lei Geral da Copa. E o ex-atleta minimizou o impacto da atitude do dirigente, que teria dito que o País merecia um "chute no traseiro" para conseguir apressar os preparativos para a competição.








click-por-clickchute no traseiro . atire a primeira pedra no homem forte da fifa, o brasileiro que ainda não teve a vontade de dar um chute no traseiro desses picaretas do congresso.  "As palavras na tradução podem ter saído erradas. Ao pé da letra pode ficar sem o sentido. Ele mesmo já se desculpou com o povo brasileiro.Talvez ele não queria falar brasileiro,mas sim, ''politicos brasileiro''.Eu não me ofendi,afinal somos nois que elegemos esses picaretas irresponsáveis e devemos pagar por isso.É exatamente isso que precisamos fazer,dar um chute no traseiro desses políticos picaretas.Vejam o que tem acontecido em são paulo,não da vontade de dar um chute no traseiro desse prefeito[Kassab] picareta ? 


fonte UOL

Enquanto a greve dos caminhoneiros autônomos, revoltados com a restrição à circulação na marginal Tietê e em outras avenidas das zonas sul e leste da capital, ameaça desabastecer de combustível a maior cidade do país, os protagonistas da paralisação justificam o protesto dizendo que, daqui para frente, suas vidas não serão mais as mesmas.


A restrição entrou em vigor na última segunda-feira (4). Agora, os caminhões, que já enfrentam restrições de circulação nas principais avenidas da cidade, além do tradicional rodízio paulistano, só podem transitar pela marginal Tietê, via mais movimentada da capital, entre 22h e 5h ou das 9h às 17h. “Acabou com a nossa vida. Não teremos mais tempo para ficar com a família”, assim resume José Carlos Moraes, 32, caminhoneiro que presta serviço a uma transportadora contratada pela Petrobras.


Segundo o Sindicam-SP, são 255 mil caminhoneiros autônomos espalhados pelo Estado de São Paulo, 54 mil só na capital –a maioria trabalhando no transporte de combustíveis. Segundo o sindicato, a greve vai continuar até que a Prefeitura de São Paulo abra negociação


chute no traseiro  







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar comentário[Não respondo anônimos] [I do not answer anonymous ]
Fazer comentários em blogs,é uma ótima ideia para divulgar o seu conteúdo ou ideia!- Identifique - se!

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...